Image Map

REVIEW - 4X14 Who's in the Box?







Olá little liars, todas já devem ter assistido o episódio de ontem, o retorno da Season 4 em minha opinião deixou BASTANTE a desejar, o que salvou o episódio foram algumas cenas que nos deixaram curiosos, como a relação de Sara com o sumiço de Alison, o diário de Ali encontrado no covil por Hanna, quem está enterrada no lugar da Queen Bee, além disso, o fim de Haleb foi triste. Vamos entender um pouco sobre todo este “episódio”  de maneira questionadora e bem-humorada.  







Depois do ocorrido em Ravenswood, Alison is alive e “Did you miss me?”, as liars estão mais confusas do que nunca, o episódio já começa com todas se questionando onde Ali se escondeu esse tempo todo, e porque ela ficou escondida esses anos todos, apenas aparecendo para brincar com elas, Emily se mostra bravinha, enquanto as outras se mostram preocupadas em tornar Rosewood segura para a amiga retornar, Emily teoriza que Ali é –A, porém essa hipótese é logo eliminada, Sherlock Hastings então entra na conversa e diz que Ali não volta porque tem medo de alguém, mas quem?


Pode ser Srta. Fields, porém como Hanna disse, Alison foi enterrada, alguém tentou mata-la, e pensou que conseguiu, por isso ela se escondeu, quem ela teme está de volta, e pode ser o Beach Hottie como Spencer teorizou, mas para Em, tudo isso continua não passando de mais um joguinho de Ali, é Srta. DiLaurentis você conseguiu destruir o doce coração de Emily, que nem mesmo acredita na existência do Beach Hottie, que como nós e Spencer sabemos, é bem real.
 

No final, elas todas tem problemas maiores, Mona, Cece, Wilden, tudo isto se encaixa em um grande mistério que envolve a noite que Ali desapareceu, o primeiro mistério a se resolver é; quem é a infeliz que está no lugar de Alison naquele mausoléu? Hanna teorizou que outra pessoa que morreu na mesma época que Ali, uma garota, loira e parecida com ela estaria lá, e elas deveriam descobrir quem, bem isto tudo foi somente para introduzir o episódio.



Uma semana depois Emily vai atrás da Sra. DiLaurentis, Em quer saber onde está Jason, uma ideia brilhante das liars, de compartilhar o segredo de Alison com o irmão super  preocupado dela, a conversa continuou desinteressante, apenas evindeciou a loucura de Jessica, que ainda troca os lençóis do quarto da Alison, e o desgosto de Em, pelo retorno da “amiga”, aliais Jessica DiLaurentis é muito estranha, ela age como se soubesse que a filha está próxima, quem sabe é só intuição de mãe, né? Cortamos a cena e vemos Hanna em um conversa fofa com a mãe, avança e chegamos a Rosewood High.

Emily, Spencer e Aria estão teorizando o sumiço de Jason e a loucura que paira sobre os DiLaurentis, até que o Tóbi  Cavanaugh retorna a Rosewood, Spencer esquece as amigas e vai atrás de seu amor que parece, que cansou de correr atrás da “mamãezinha morta”, só parece, eles tem um papo super meloso, até que Mona aparece com o novo carro, e faz o favor de não de atropelar o Cavanaugh, o que será que ela quer? E o que deu na cabeça de uma pessoa rica como Mona, comprar um carro velho que era de Jenna? Amizade? Sabemos que Mona não é tão amigável assim.
 

Mais flop que o reencontro de Spoby, foi o papo de Paily, Paige falando para sua namorada como foi uma nadadora perfeita e bla bla bla, todavia Em não estava ligando muito, sua cabeça estava no assunto “Alive” se é que me entendem, Paige percebeu e perguntou como Em estava, e elas acabaram tendo uma discussãozinha #típico. Vamos para a parte inferior de Rosewood High, e vemos o reencontro de Hanna e Mona, Hanna estava mais desconfiada do que nunca, depois da visita de Shana a Mona, os olhares retornam a diva, queen, poderosa, lindona, ex-vilã, que agora se faz de boazinha, porém todos já estão vacinados, portanto Hanna confronta Mona perguntando se o que ela fez, ela fez pelas amigas, ou por ela mesma. Hum... Será?


Avançamos a cena e chegamos na classe de Mister Fitz e sua aula de literatura sobre Médico e o Monstro, bate o sinal e ele chama a Miss. Montgomery para conversar, enquanto isso Hanna leva Spemily para outra sala, e mostra os frutos de sua investigação, a loira conseguiu encontrar uma garota com o padrão de Alison: mesma altura, loira, mesma idade, bonita, seu nome era Sara Harvey e morava em Courtland, uma grande probabilidade dela ser a enterrada no lugar de Ali, com o decorrer do episódio, descobrimos a ligação entre as duas, uma grande e intrigante história. Hanna está de parabéns!!
 

Passado as scenes de investigação, vamos para o momento #flop, conversa de EzZZzZzZzZzZzria, bla bla bla, que não vale a pena comentar, bem.... Chegamos a casa do Hastings onde Spencer conversa com seu pai, o assunto retorna ao inicio do episódio onde todas querem encontrar Jason, como Peter também é pai de Jason, Spencer pede para seu pai usar sua influencia para achar o filhinho, porém ele desconversa e pede para ela esquecer isso, pois Jason saiu por conta própria de Rosewood, e que seu retorno não é interessante; particularmente isto foi muito estranho, Peter novamente esconde algo, com toda a certeza, e o retorno de Jason pode trazer tudo isto a tona, cortando rápido, Hanna convida as amigas de Sara para um café para conversarem, retornando aos Hastings Spencer conversa com Toby sobre o Radley, o que chega no assunto mamãe Cavanaugh #flop, o interessante foi saber que todos no sanatório sabiam que a mãe de Toby não caiu da janela, mas sim do telhado, porém se calaram, por causa da empresa que recebiam, será que ela também está envolvida? 



No Brew, novamente Emily demonstra sua insatisfação com o retorno de Ali, por ela, a amiga nem voltaria para suas vidas, ou para sua cidade, Ali só fez brincar com elas e ser sua pior inimiga em vez de melhor amiga, se bem que isso não é mentira, todavia sabemos que o que  Em tem não é raiva de Alison, mas um coração partido por ser rejeitado pelo amor de sua vida, basta Alison fazer juras de amor a ela, que tudo mudará, enquanto isso Hanna e Aria tentam defender e tornar Rosewood segura para Ali retornar, no fim da conversa as liars tem um café marcado com as amigas de Sara.
 

Caleb reaparece, e Hanna corre aos seus braços, mas romance não é o foco da review por mais que Haleb seja lindoooo, então avançando Spoby vai tentar arrancar da dona da empresa, as verdades sobre o Radley, e sobre a morte da sua mãe estranhamente ela já estava por dentro do problema Cavanaugh, e cedeu tudo o que eles queriam... Chegamos ao café em Courtland, que foi no mínimo sinistro, as garotas estranhamente tinham a história muito parecida com a das liars, sua queen bee Sara sumiu e todas ficaram com o fantasma dela, a amizade era guiada por ela, e ela se foi, mas continua ali, isso amedrontou as liars, o pior ainda estava por vir, Sara desapareceu um dia depois de Alison, coisas estranhas até demais, isso nos faz pensar se –A ou o Beach Hottie estão envolvidos com essas garotas, e essa história de desaparecimento.






Passamos para um papo entre os vilões, Mona e Ezra conversam em um tom mais do que estranho, Mona fala como se ameaçando Ezra e as liars, manifestando todo seu desejo de vingança, e usando a própria literatura para isso, pelos tons que Ezra fez, parece que estava com medo, será que Mona sabe que Ezria tem um lado sombrio em Rosewood? Especulação, porém percebemos que ela cansou da postura de boazinha, e está à procura de vingança, diva!! Fora isso a Televisa agradece a homenagem de Mona à personagem Chiquinha.



Cortamos para a Declodyne, empresa dona do Radley, Spencer com seu talento para a advocacia, oprimi uma das acionistas da empresa com os podres do Radley, isso faz com que Toby consiga o que quer e tem o relato que prova que sua mãe não cometeu suicídio, tudo graças à ameaça de colocar tudo na internet, VIVA O PODER DA FOFOCA! Na casa de Hanna está uma visita inesperada, Jessica DiLaurentis oferece emprego a Ashley Marin, Hanna agradece, porém Jessica paira sobre a loucura novamente, e diz que Ali a orientou a oferecer o emprego, como Hanna sabe que Ali está viva, não é preciso dizer que ela desconfiou que a “amiga” conversa com a mãe sempre, talvez Sra. Dilaurentis não seja tão desiquilibrada quanto pareça.
 


 
Na praça da cidade Hanna conversa com Caleb sobre essa loucura de Jessica, porém Caleb com suas experiências em Ravenswood, diz que alguém aparecer no sonho para outra pessoa, é a coisa mais normal do mundo, entretanto Hanna com a cabeça na “normalidade” de Rosewood não entende, realmente muito complicado. Na casa dos Hastings, Toby e Spencer conversam sobre a vitória na descoberta da verdade sobre a morte da mãe de Toby, quando estavam namorando, Sr. Hastings quebra o clima e Toby logo exibi a capacidade de Spencer, ela conseguiu deixar uma grande empresa no chinelo, por um momento pensei que Peter estivesse desconfortável com isso, porém ele expos que se Spencer fosse advogada de verdade, ela poderia fazer mais, até fechar o Radley, um lugar sujo que esconde o lado podre, transtornos e segredos de muitas pessoas, como ela.



Aria quer conversar com Ezra ZzZz, Emily está fechando o Brew, quando ouve um barulho, pega uma jarra de chá quente para se proteger, e quando abre a porta, Claire, uma das amigas de Sara, aparece, e conta a história de Sara com as amigas, ai descobrimos que Sara é como se fosse uma irmã gêmea de Ali, presunçosa, venenosa, perigosa e egoísta como ela, Claire está feliz por ela ter ido embora, porém ainda está presente na vida de todas, no final quando vai embora, ela deixa Em sem palavras e pensando que Ali pode ter tido uma discípula em outro lugar.
 


Na casa mais segura de Rosewood, mansão Hastings, Spencer e Peter discutem sobre o fim do Radley, Spencer diz que o pai não precisa ajudar Toby, e pergunta qual o interesse em fechar o local, Peter primeiramente diz que o lugar é um perigo a sociedade, mas Spencer o confronta, e diz que tudo isto é apenas para enterrar o passado, e Peter diz que sim, que sofreu por ver a filhinha naquele local, Spencer fingi acreditar, mas estranha todo esse comportamento, está na cara que o Radley esconde algo que Peter quer esconder, e não a estada de Spencer no sanatório. Isso faz pensar na teoria das gêmeas, alguns dizem que a gêmea de Rosewood, pode ser a irmã gêmea de Spencer, será que ela está no Radley esse tempo todo?







Aria traindo gostoso, lindo, atlético, fofo, perfeito Jake com o professorzinho em uma cabana que ela nunca foi na vida, Ezra com a maior cara de mal, observa o alçapão que estava mal escondido embaixo de um tapete, por um momento pensei que ele fosse sequestrar ela e colocar lá dentro, será que Ezra realmente gosta de Aria?







Na cena seguinte, Emily conta a Paige como foi sua relação com Alison, na cidade choramos com a cena final de Haleb, e torcemos que esse adeus, seja um até logo, no final as meninas voltam a mausoléu de Alison, e prometem descobrir quem está no lugar dela, isso será o inicio da jornada para o fim de todo o mistério, Hanna diz as liars que achou o diário de Ali no covil de –A, e não entregou antes por medo do conteúdo, Spencer como líder o pega, e o abre, e continua no próximo episódio nos deixando curiosíssimos para saber o que há nesse diário de tão importante.




O –A no final do episódio, nos revelou que o alçapão de Ezra esconde algo, com certeza mais um covil, e pá.




Espero que tenham gostado da review, desculpe qualquer comentário que vocês acharam ofensivos, até a próxima.

Xoxo -ItsFields


Nenhum comentário:

Postar um comentário